Blog Animal

O Floral não faz o trabalho sozinho

Algumas pessoas chegam até mim pedindo apenas o floral. O floral na verdade é uma das várias ferramentas que posso utilizar para o tratamento. Pedir apenas o floral é achar que ele sozinho resolve tudo.

Ex: Um problema que vejo muito em atendimento é falta de passeio e interação do animal, principalmente o cão que é extremamente sociável, com seu tutor. Um passeio saudável é correr, brincar na praça, pisar na terra ou grama. O animal precisa SENTIR uma nova realidade, mesmo que aos poucos e dentro da limitação de cada família ou pessoa. É um processo que precisa ser entendido! Saber a importância de passeios na RUA é o primeiro passo.

Quando colocamos inúmeros adjetivos em cima do nosso pet, “teimoso”, “agressivo”, “impossível”, “medroso”, acabamos tendendo a achar que é algo determinista, que ele “é assim mesmo” e não tem como mudar. Entendem? Se você colocou na cabeça que o caso não tem jeito, não terá mesmo. Não vai ter remédio no mundo, natural ou alopático que vai fazer efeito.

Até porque o remédio é uma associação, funciona como um trampolim para impulsionar o RESULTADO de nossas ações perante o caso do nosso pet. Os animais não conseguem agir sozinhos como a gente, eles dependem de nós para colocar uma coleira e levar pra passear, por exemplo, eles dependem de um educador.

Este educador pode ser o tutor mesmo, sob orientação ou um profissional, que dependendo do caso pode ir até a casa do paciente de forma semanal para nos passar comandos específicos. Vai ser um trabalho de recondicionamento, ou seja, o animal precisará ser REEDUCADO.

Diante de tudo isso! Gostaria de fazer um alerta. Não deixem o animal de vocês chegarem a um caso extremo, do tipo “eu não aguento mais por isso procurei ajuda.” Se puder, ao mínimo de descontrole ou descompasso emocional, procure ajuda, por que a tendência é piorar.

Outro ponto importante: Seu animal NÃO é assim, ele ESTÁ assim. Mesmo quando estamos diante de um quadro crônico, que se estende a anos, é algo que pode ser revertido. Mas precisamos de MUDANÇAS. Lembrem da frase de Albert Einstein: “Loucura é querer resultados diferentes fazendo tudo exatamente igual.”

AUTORIA: Dra Lys Alves – Medica veterinária integrativa e mestre Reiki com dedicação ao diagnóstico e terapia de transtornos comportamentais em cães e gatos. Mais detalhes sobre suas áreas de atuação na aba “Equipe” aqui no site.

Comparilhar

Deixe uma resposta